Saiba as causas dos estalos no quadril

O popular estalo no quadril pode ocorrer quando você balança a perna em movimentos giratórios, levanta da cadeira, ou faz exercícios que exigem manter as pernas retas e paralelas, como natação, andar de bicicleta ou alguns tipos de abdominais.

                Quase sempre essa sensação não é acompanhada de dor e, na maior parte dos casos, é totalmente inofensiva. Mas, é claro, sempre assusta escutar o quadril estalando! Os especialistas da COT Joinville listaram as três causas mais prováveis que causam o estalo no quadril:

 

1. Ressalto Externo

                É quando ocorre aquela sensação de que o osso do quadril está se deslocando. Em casos extremos, os ruídos podem até ser ouvidos por pessoas que estão próximas. O ressalto externo é caracterizado quando o tendão tensor passa por cima do osso, na parte de fora do quadril.

                O tendão fica por baixo do osso grande trocanter, na região do quadril. Quando o quadril é flexionado, o tendão passa por cima do osso provocando a sensação de estalo e deslocamento.

                Em casos extremos, esse sobressalto poderá ocasionar bursite, que é a inflamação da bursa - uma espécie de bolsa cheia de líquido que permite que o músculo se movimente suavemente sobre o osso.

2. Ressalto Interno

                Enquanto o Ressalto Externo é causado pelo tendão da parte de baixo do osso, no Ressalto Interno, ele está na parte da frente do quadril.

                Quando você roda ou dobra o quadril, o tendão se desloca sobre a cabeça do fêmur e a bacia. E é exatamente esse movimento de vai-e-vem que pode provocar os estalos.

3. Crepitações dentro da Articulação

                Essas crepitações são provocadas por pedacinhos de cartilagem e detritos do labrum, que é uma estrutura que reveste a parte interna do quadril, onde se encaixa no fêmur.

                Geralmente, pessoas com esse problema ja apresentam artrose ou sofreram algum tipo de trauma na região. Estes detritos causam uma reação inflamatória que caracteriza-se pelo acúmulo de líquido dentro da articulação, formando a popular “água no quadril”.

                Ao contrário dos ressaltos externo e interno, as crepitações causam dor e desconforto. Alguns fragmentos soltos dentro da cartilagem podem até travar o quadril, dificultando a movimentação. 

 

Cuidados e Diagnóstico

               Procure ajuda médica caso sinta dores quando o seu quadril estala. É o médico que irá determinar qual o problema e orientar para o tratamento mais adequado. Caso não sinta dores ou incômodos ao mover o quadril, não é preciso tratamento.

                Mesmo assim, indicam os especialistas, é recomendável aplicar gelo no local e fazer alongamentos superficiais antes das atividades físicas e alongamento forçado após as atividades. Confira neste vídeo alguns alongamentos para a região do quadril. Em alguns casos, é preciso reduzir a intensidade da atividade física. 

Por que os joelhos estalam quando nos agachamos

por que os joelhos estalam

Os joelhos são articulações responsáveis por sustentarem grande quantidade de massa corporal e absorverem os impactos do dia a dia. Quando eles estalam ou fazem ruídos estranhos, especialmente quando subimos escadas, pode ser um sinal de que algo está errado.

            Apenas o som de estalo, sem dor ou inchaço, é o que conhecemos como crepitação. Na maior parte das vezes, são apenas bolhas de gás saindo das articulações. Assim como acontece quando estalamos os dedos da mão. A crepitação também pode estar ligada à diminuição da espessura de estruturas como a cartilagem dos joelhos. A questão requer maior atenção se estes ruídos no joelho são acompanhados de dor e/ou sinais como calor, vermelhidão e inchaço.

Outros fatores físicos, como envelhecimento e obesidade, também podem ser responsáveis pelos estalos no joelho. A cartilagem vai perdendo água e ficando cada vez mais fina, com isso, ossos e tecidos entram em atrito, principalmente quando as pernas são dobradas, como, por exemplo, ao subirmos escadas ou realizamos agachamento na academia.

Artrose

            Caso esse estalo nos joelhos se pareça com um som de trituração ou moagem e venha acompanhado de dor, é possível que seja indicativo de artrose.

            A artrose é uma doença crônica e o tratamento é realizado para aliviar a dor e melhorar a qualidade de vida do paciente. Leia aqui mais sobre a artrose, sintomas e tratamento.

Dor durante exercícios

            O ruído durante a prática de atividades físicas é um sinal de que o corpo está com sobrecarga, aumentando o nível de estresse da articulação.

            Ruídos, neste caso, podem ser sinais de que a execução da atividade está errada ou a carga está além da suportada. Por estes e outros motivos, é importante sempre contar com a supervisão de um profissional de educação física e procurar um especialista médico sempre que sentir que algo não está certo.

Outras causas para os ruídos no joelho

            Além da artrose, existem outras enfermidades que causam estalos e ruídos nos joelhos. As mais comuns são as lesões da cartilagem, lesões nos meniscos e bursites.

            É importante que você consulte um ortopedista para que ele solicite os exames necessários para descobrir as causas dos estalos e indicar o tratamento correto. Conte com a COT Joinville para ajudá-lo.

Carregando... Por Favor Aguarde.