Por que os joelhos estalam quando nos agachamos

por que os joelhos estalam

Os joelhos são articulações responsáveis por sustentarem grande quantidade de massa corporal e absorverem os impactos do dia a dia. Quando eles estalam ou fazem ruídos estranhos, especialmente quando subimos escadas, pode ser um sinal de que algo está errado.

            Apenas o som de estalo, sem dor ou inchaço, é o que conhecemos como crepitação. Na maior parte das vezes, são apenas bolhas de gás saindo das articulações. Assim como acontece quando estalamos os dedos da mão. A crepitação também pode estar ligada à diminuição da espessura de estruturas como a cartilagem dos joelhos. A questão requer maior atenção se estes ruídos no joelho são acompanhados de dor e/ou sinais como calor, vermelhidão e inchaço.

Outros fatores físicos, como envelhecimento e obesidade, também podem ser responsáveis pelos estalos no joelho. A cartilagem vai perdendo água e ficando cada vez mais fina, com isso, ossos e tecidos entram em atrito, principalmente quando as pernas são dobradas, como, por exemplo, ao subirmos escadas ou realizamos agachamento na academia.

Artrose

            Caso esse estalo nos joelhos se pareça com um som de trituração ou moagem e venha acompanhado de dor, é possível que seja indicativo de artrose.

            A artrose é uma doença crônica e o tratamento é realizado para aliviar a dor e melhorar a qualidade de vida do paciente. Leia aqui mais sobre a artrose, sintomas e tratamento.

Dor durante exercícios

            O ruído durante a prática de atividades físicas é um sinal de que o corpo está com sobrecarga, aumentando o nível de estresse da articulação.

            Ruídos, neste caso, podem ser sinais de que a execução da atividade está errada ou a carga está além da suportada. Por estes e outros motivos, é importante sempre contar com a supervisão de um profissional de educação física e procurar um especialista médico sempre que sentir que algo não está certo.

Outras causas para os ruídos no joelho

            Além da artrose, existem outras enfermidades que causam estalos e ruídos nos joelhos. As mais comuns são as lesões da cartilagem, lesões nos meniscos e bursites.

            É importante que você consulte um ortopedista para que ele solicite os exames necessários para descobrir as causas dos estalos e indicar o tratamento correto. Conte com a COT Joinville para ajudá-lo.

Obesidade é principal fator para o desenvolvimento da artrose de joelho

obesidade artrose

A obesidade traz sérios riscos a todo o corpo e, não é diferente, com os nossos ossos e cartilagens. Em particular, as cartilagens são suscetíveis a artrose e normalmente essa doença atinge, em graus diferentes de intensidade, 90% da população adulta - maior de 40 anos.

A artrose é um processo de destruição gradativa da cartilage e uma das regiões mais atingidas é o joelho, devido a sobrecarga de peso e porque apresenta diversas articulações. Uma artigo recente na Revista Brasileira de Ortopedia indica que é possível utilizar o Índice de Massa Corporal (IMC) como um dos itens para a avaliação e prognóstico desta doença.         

Calcule aqui seu IMC.    

Os autores do artigo afirmam que "o aumento do IMC também está associado a progressão da doença, grau de incapacidade, evolução para artroplastia (cirurgia) e resultados clínicos ruins após a cirurgia”.    

Atualmente, o Brasil é o quarto país do mundo em número de pessoas obesas, atrás apenas dos Estados Unidos, China e Rússia. Por isso, as constatações dos médicos sobre a relação IMC x artrose são um sinal de alerta, sustentam os especialistas da COT Joinville. Também é preocupante os dados apresentados pela Sociedade Brasileira de Reumatologia e pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia: menos de 40% dos brasileiros diagnosticados com artrose seguem o tratamento prescrito pelos médicos.

 

Entenda o papel da cartilagem

A cartilagem é um tecido que reveste a extremidade de dois ossos que possuem algum grau de movimentação entre eles. Além dos joelhos, encontramos cartilagem em nossos dedos, tornozelos, vértebras da coluna, cotovelos etc., ela funciona como um amortecedor, que reduz o atrito e o impacto entre os ossos.

 

Fique atento aos sintomas

A primeira manifestação da artrose no joelho é de dor que piora com esforço. Em alguns casos existe rigidez matinal, dificuldade em apoiar o peso do próprio corpo sobre o joelho lesionado, inchaço, dores ao subir escadas ou ao ficar sentado por um longo tempo.

 

Como se prevenir da artrose de joelho

A medicina ainda não conseguiu curar a artrose, mas com o tratamento correto e seguindo a orientação dos médicos, é possível conviver com o problema e preservar a qualidade de vida, explicam os especialistas da COT Joinville.

 

Algumas medidas simples podem ser suficientes para prevenir o surgimento da artrose de joelho. Confira:

1. Fique atento ao seu histórico familiar. Se alguém da família tem ou teve artrose, é preciso redobrar a atenção.

2. Mude seus hábitos. Normalmente, a artrose atinge pessoas na terceira idade, por isso, a melhor prevenção é começar a mudar seus hábitos de vida muito tempo antes (décadas!).

3. Perca peso. Lembre-se que estar com o IMC acima do normal é um indicativo que você está mais suscetível a desenvolver artrose porque está sobrecarregando as suas articulações.

4. Corte o cigarro. O fumo reduz a quantidade de colágeno nas articulações. Quanto mais cedo parar, melhor para prevenir.

5. Faça atividades físicas com o objetivo de fortalecer as articulações e os músculos.

6. Busque a orientação de um médico. Ele é o profissional qualificado para determinar qual o melhor tratamento para prevenir e reduzir os incômodos provocados pela doença.        

Cuide-se e previna-se. Para isso, conte com a COT Joinville!

Carregando... Por Favor Aguarde.